Coração Saudável !

coracao1É o músculo mais importante do nosso corpo, pois é encarregado de bombear o sangue, levar oxigênio e nutrientes a todos os órgãos, por meio de vasos sangüíneos chamados artérias. O que são doenças cardiovasculares? São doenças provocadas pelo acúmulo de placas de gordura nas artérias, que podem bloquear total ou parcialmente a passagem do sangue, causando infarto ou derrame cerebral.  Homens com mais de 40 anos, mesmo nunca tendo apresentado qualquer tipo de sintonia, podem sofrer um infarto, pois é uma doença silenciosa. Por isso recomenda-se o controle dos fatores de risco. Fatores de Risco Deve-se controlar os fatores de risco que estão fortemente associados: 

Colesterol e Triglicérides altos. - Diabetes – Doença que se caracteriza pó níveis altos ou mal controlados de glicose no sangue. - Estresse – Tensão emocional por um período prolongado. - Hipertensão arterial – Pressão alta (igual ou maior que 140 x 90 mmHg). - Obesidade – Peso acima do ideal. - Sedentarismo – Ausência de atividades física regulares. - Tabagismo – Hábito de fumar. Como controlar os fatores de risco? O conhecimento dos fatores de risco é importante, pois pode significar mudanças de hábitos de vida, principalmente relacionados com a alimentação e a atividade física

.

Taxa de Colesterol alta

Procure ter uma dieta alimentar saudável. Prefira carnes brancas e magras. Substitua a manteiga por margarina vegetal e as frituras por assados, cozidos ou grelhados.  Taxa de Triglicerídeos alta - Evite o consumo de massas, doces e bebidas alcoólicas.  Diabetes - ábitos alimentares saudáveis e exercícios físicos regulares são fundamentais para manter as taxas de glicose no sangue normais. Estresse - Procure ligar mais tranquilamente com seus problemas emocionais. Divida as tarefas e responsabilidades, planeje melhor seu tempo e procure algum tipo de atividade para de sentir bem. Hipertensão arterial - Diminua o sal a comida e controle o consumo de bebidas alcoólicas.

Tabagismos

Pare de fumar, pois o comprometimento dos pulmões é fator de alto risco.

Obesidade

Doces, refrigerantes e frituras, são alimentos com valor calórico elevado, por isso engordam. Prefira carnes magras, verduras, legumes e frutas.

Sedentarismo

Para produzir benefícios cardiovasculares, a atividade física deve ser regular, bem orientada e ter caráter aeróbico (natação, caminhada, corrida, etc).

Os exercícios aeróbicos melhoram a capacidade cardiorespiratória. Homens que se exercitam apenas uma vez por semana são 74 vezes mais propensos a sofrer parada cardíaca durante atividade intensa, como uma partida de futebol, segundo recente estudo americano.

De nada adiantam exercícios esporádicos. Aproveite o seu dia-a-dia para ir a pé ao trabalho e utilizar escadas, em vez de elevadores.

Recomendações

- Consulte seu médico 1 vez por ano para a prevenção da maioria das doenças cardíacas. Além de verificar a pressão arterial, seu médico pode solicitar outros exames, mais indicados para a sua idade, sexo e histórico familiar..

- Mantenha uma alimentação saudável e pratique exercícios físicos regularmente.

- Coma grãos, frutas e vegetais.

- Leia rótulos dos alimentos. Eles podem ajuda-lo a comer mais fibras e menos gorduras e sódio.

- Limite o consumo de bebidas alcoólicas. O vinho é bom, quando ingerido com moderação.

- Mantenha seu peso sob controle.

- Se você tem 40 anos, comece a redobrar os cuidados com seu coração, principalmente se alguém da sua família tiver doença cardíaca.

- Diga “não” ao fumo.

- Ame a vida e o seu coração.

Alimentação para um coração saudável

Você pode diminuir suas chances de ter uma doença cardíaca ao escolher os alimentos com cuidado. A fim de ter uma alimentação para um coração saudável, coma:

• menos gordura
• menos sódio
• menos calorias
• mais fibras alimentares

Coma menos gordura

Algumas gorduras têm mais chances de causar doenças cardíacas. Essas gorduras são geralmente encontradas em alimentos de origem animal, como carne, leite, queijo e manteiga. Elas também são encontradas alimentos com óleos de côco e de palma.

Coma menos desses alimentos:

Coma menos sódio. Comer menos sódio ajuda a diminuir a pressão alta em algumas pessoas. Isso pode diminuir o risco de doença cardíaca.

Sódio é algo que precisamos em nossa dieta, porém a maioria de nós ingere muitas quantidades. Muito do sódio que comemos vem do sal, que adicionamos à nossa comida na mesa ou que as empresas alimentícias colocam em seus produtos. Então, evite adicionar sal à comida na mesa.

Coma menos calorias. Quando comemos mais calorias do que precisamos, engordamos. Estar acima do peso pode causar doença cardíaca. Quando comemos menos calorias do que precisamos, emagrecemos.

Coma mais fibras. Comer fibras de frutas, vegetais e grãos pode ajudar a diminuir as chances de doença cardíaca.

Dicas de alimentação para um coração saudável

• Coma uma dieta com pouca gordura saturada, especialmente gordura animal e óleos de côco e palma.

• Adicione à sua dieta alimentos que são ricos em gordura mono-insaturada, como óleo de oliva, óleo da canola e frutos do mar.

• Coma alimentos que contém gorduras poliinsaturadas encontradas em vegetais e frutos do mar. Óleos de girassol e de milho são ricos em gordura poliinsaturada.

• Escolha uma dieta moderada em sal e sódio.

• Mantenha ou melhore o seu peso.

• Coma bastante grãos, frutas e vegetais.

Alimentando-se desta forma não significa que você tem que gastar mais dinheiro com comida. Você ainda pode comer muitos alimentos que custam o mesmo ou menos do que os que está comendo.

Dicas para emagrecer

• Coma porções menores.

• Evite repetir o prato.

• Coma menos gordura ao evitar frituras, sobremesas gordurosas e doces de chocolate. Comidas com muita gordura têm muitas calorias.

• Coma mais frutas e vegetais.

• Coma alimentos com poucas calorias, como saladas.

Leia os rótulos dos alimentos.

O rótulo do alimento pode ajudá-lo a comer mais fibras e menos calorias, gorduras e sódio.

Outras medidas para manter seu coração saudável

Peça ao seu médico checar seus níveis de colesterol. Isso é feito através de um exame de sangue que mostrará a quantidade de colesterol com um número. Menos de 200 é bom. O exame também mostrará a quantidade de colesterol "bom" e "ruim". Seu médico pode lhe dizer o que esses números significam.

Caso o seu colesterol esteja elevado, seu médico pode sugerir mudanças na dieta, exercícios físicos ou medicamentos.

Atividade física regular pode ajudá-lo a manter seu peso e níveis de colesterol baixos.

Você pode provocar uma grande diferença mudando alguns de seus hábitos.

Exercite-se regularmente  (sim, sabemos que é difícil). Só 30 minutos de caminhadas diárias ou algumas voltas de 10-15 minutos algumas vezes ao dia o ajudarão a ter um coração saudável por toda a vida.

Algumas atividades divertidas são: jogging, esportes de praia, natação, ciclismo, golfe, dança, jardinagem, até trabalhos domésticos!

Coma bem  É uma das melhores coisas da vida. Mas não descuide de sua dieta e tente não comer comidas gordurosas, mantendo o nível de colesterol baixo.

Mantenha um peso saudável  É muito mais confortável. Se você estiver acima do peso, você estará forçando o seu coração.

Tente parar de fumar  Sabemos que é difícil, mas existem vários grupos de apoio que podem ajudar e isso fará uma grande diferença na prevenção de doenças cardíacas e também diminuirá o risco de sofrer com câncer de pulmão.

Encoraje e apoie os seus amigos também.
 
Relaxe, corte o estresse  Sorria para a vida quando puder e tente relaxar quando possível. Você não só ficará mais feliz, como também mais saudável.

Cheque sua pressão arterial  Visite seu médico para checar sua pressão e verificar se você é hipertenso. Seu médico pode lhe recomendar um tratamento e reduzir as chances de você ter uma doença cardíaca ou um ataque do coração.

Verifique se tem diabete  Se você é diabético, terá um risco maior de ter uma doença no coração se a diabete não for adequadamente controlada. O tratamento da diabete é o básico para a saúde do coração  pergunte ao seu médico.

Verifique o nível de seu colesterol  Níveis altos de colesterol contribuem para doenças cardíacas mas, normalmente, uma dieta saudável é o bastante para trazer o nível de colesterol de volta ao normal.

Cheque sua saúde  Vá ao seu médico uma vez ao ano para um check-up, mesmo quando estiver se sentindo bem, já que os sintomas podem não ser notáveis. Seu médico irá verificar se você está realmente saudável.
 
Tenha um coração para a vida  Cuide bem de seu coração para poder viver mais e melhor. Quanto mais cedo começar, melhor. Mas nunca é tarde para começar.

Coração saudável e atividade física

A prática de exercícios revigora a saúde e aumenta a disposição...

Por Cláudio A. Baptista – Cardiologia

Inicialmente faz-se necessário uma avaliação médica adequada, pois o conceito de um coração saudável é abrangente e passa pela exclusão de doenças cardiovasculares. O conhecimento da presença ou não dos fatores de riscos mais freqüentes como fumo, hipertensão arterial, diabetes, colesterol, sobrepeso e estresse, pois podem estar presentes, mesmo com um coração saudável.
 
Estas pessoas, portanto, devem realizar atividades físicas visando mantê-lo saudável, combatendo os fatores de risco, além dos benefícios por ela gerados como melhora na sua auto-estima e qualidade de vida. Posto isto, você deve iniciá-la com o tipo de atividade pela qual tem maior afinidade e se sinta bem. Isto é fundamental, pois se tentar atividade física não usual e com maiores esforços, poderá se desanimar e em certos casos abandoná-la, perdendo uma ótima oportunidade em aumentar a sua adesão. Por exemplo, inicie com caminhadas, com
hidroginástica, caso goste piscina, ou inicie com dança. O mais importante é que faça com regularidade, pois seus efeitos benéficos não são mediatos, mas, sim, a médio e longo prazo. Uma vez conseguida esta adesão, o seu coração saudável vai melhorar o seu metabolismo e seu rendimento de trabalho, você notará que para um mesmo trajeto de caminhadas realizado que fazia em um determinado tempo, o fará em um tempo menor e sem se cansar.

Comece o seu condicionamento, através do crescimento maior do mesmo, estará agindo e alterando os fatores de risco acima expostos, que ao longo dos anos seriam fatais para o seu coração. A atividade física auxilia na prevenção e recuperação da saúde. Quando realiza a atividade física regularmente você estará realizando um treinamento físico. Este deverá ser efetuado com uma freqüência inicial de 3 vezes por semana, aumentando gradualmente até ser diário. Faça-o inicialmente durante 30 a 40 minutos e progressivamente aumente este tempo de acordo com sua capacidade ( dose do exercício ). A intensidade do mesmo deverá acompanhar sua forma atual de condicionamento, caso queira realizar exercícios mais intensos é fundamental uma orientação médica.

Dica: Durante a atividade física procure se manter o mínimo ofegante, mantendo a estabilidade da respiração. Você deverá terminar o exercício de forma prazerosa. Com este simples ato, diminui o sedentarismo e colaborará com a melhoria dos fatores de risco das doenças cardíacas. Com toda certeza, a sua saúde agradecerá.
Então, o que está esperando?

Mandamentos do coração saudável

Os Dez Mandamentos para um Coração Saudável:

1 - Diga não à obesidade e controle o seu peso

2 - Consulte o seu médico periodicamente

3 - Meça a sua pressão arterial com freqüência

4 - Diga não ao fumo

5 - Verifique a quantidade de sal nos rótulos dos alimentos

6 - Diga não ao sedentarismo. Pratique esportes

7 - Escolha bem os alimentos

8 - Evite o estresse

9 - Saiba se é diabético e se tem colesterol alto

10 - Ame a vida e o seu coração

Mente leve, coração saudável

Meditar é uma boa para a saúde cardiovascular, comprova mais um estudo científico, desta vez do Instituto Geórgia de Prevenção, nos Estados Unidos.

Os pesquisadores avaliaram 36 adolescentes pré-hipertensas, divididas em dois grupos. Um deles recebeu aulas de meditação transcendental e o outro, apenas conselhos de saúde. Quatro meses depois, constatou-se uma melhora significativa na função vascular da primeira turma, comparada com a segunda. "A meditação faz o corpo liberar substâncias do bem-estar, como a endorfina", diz o médico acupunturista Norvan Leite, da Associação Médica Brasileira de Acupuntura. "Daí, o esforço cardíaco, o ritmo respiratório e a pressão arterial baixam."

Vinho tinto mantém coração saudável

Outros estudos já indicaram que um copo de vinho tinto durante as refeições pode ajudar a combater problemas do coração. O processo natural de envelhecimento é marcado por mudanças nas funções de genes do órgão e, no caso estudado, a alteração foi bem menor.

10 comidas para um coração saudável..e o resto do corpo também!

Farinha de aveia: Possui bastante ácidos graxos, ômega-3 e potássio. É rica em fibra e reduz os níveis de mau colesterol, além de ajudar a manter artérias limpas.

Salmão: Super ricos em ácidos graxos e ômega-3, o salmão pode efetivamente reduzir a pressão arterial. Duas porções por semana é uma ótima quantia, o que pode reduzir o seu risco de morrer de um ataque cardíaco em até um terço. O Salmão também contém o carotenóide astaxantina, que é um poderoso antioxidante. Não é um fã de salmão? Outros peixes gordos como a cavala, atum, arenque, sardinha e dará o seu coração o mesmo impulso.
 Abacate: Uma ótima fonte de gorduras saudáveis para sua dieta, além de ajudar a diminuir o colesterol mau no seu organismo. Abacates permitem a absorção de outros carotenóides, em especial beta-caroteno e licopeno, que são essenciais para a saúde cardíaca.

Azeite: Cheio de gordura monoinsaturadas, o azeite diminui mau colesterol e reduz o risco de desenvolver doenças cardíacas. O resultado do estudo em 7 países, que olhou para as doenças cardiovasculares incidências em todo o globo, mostrou que, em Creta, enquanto os homens tinham uma predisposição para níveis elevados de colesterol, são relativamente poucas morreu de doença cardíaca porque sua dieta centrada no coração-saudáveis gorduras encontradas em azeite . Prefira pelo extra-virgem ou qualquer outra variedade menos processadas e utilize-os em vez de manteiga quando for cozinhar.

Amêndoas: Amêndoas, nozes, estão todos macadâmia e cheio de ácidos graxos ômega-3 e gorduras mono e polinsaturados. Amêndoas são ricas em ómega-3.

Frutas vermelhas: Framboesas, morangos, e outras frutas vermelhas são cheias de anti-inflamatórios, o que reduz o risco de doenças cardíacas e câncer.

Legumes: Abuse dos legumes, eles são ricos em fibra também possuem ácidos graxos ômega-3, cálcio e fibra solúvel.

Espinafre: Ajuda a manter nossa quota de de luteína, fosfato, potássio, e fibras. O “Physicians’ Health Study” analisou mais de 15.000 homens, sem doença cardíaca, durante um período de 12 anos. Aqueles que ingeriram pelo menos dois-e-meia porções de legumes por dia cortou o risco de doenças cardíacas em cerca de 25%, em comparação com aqueles que não comem os vegetarianos.

Linhaça: Sementes de linhaça ajudam você a afastar para longe as probabilidades de doenças para o seu coração.
Soja: Baixam o colesterol, e são uma grande fonte de proteína magra. O leite de soja é um ótimo complemento alimentar, mas cuidado com a quantidade de sal na sua soja: algumas variedades como a soja processada podem conter adição de sódio, o que aumenta a pressão arterial.


Fonte: www.unimedriosaudeesporteclube.com.br/dicas_b...
      
http://www.copacabanarunners.net/coracao-saudavel.html
       http://www.monica.com.br/institut/coracao/umcoracao.htm
       http://www.minhavida.com.br/materias/saude/
       http://tutomania.com.br/saiba-mais/mandamentos-do-coracao-saudavel
       http://saude.abril.com.br/edicoes/0260/medicina/conteudo_88074.shtml
       http://www.radiomundial.com.br/jornalboanoticia/?id=3084
       http://www.mentesmodernas.com.br/10-comidas-para-o-coracao.html

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Curta nossa página

Mundo

Publicidade