Ciência e Tecnologia

10 principais ameaças das redes sociais. E por que devem ser levadas a sério

redesocialPor Network World/EUA (13/07/2010) - Facebook, Twitter e companhia têm mudado nossas vidas, mas suas virtudes também embutem vários graus de risco para as corporações.As redes sociais têm mudado a forma como conduzimos nossas vidas pessoais - e estão em processo de transformação também de nossas vidas profissionais. Cada vez mais elas têm um papel significativo em como os negócios são feitos. Mas elas também representam um alto risco. Com centenas de milhões de usuários, essas ferramentas têm atraído, nos útimos tempos, mais cibercriminosos que qualquer outro alvo.

Leia mais...

Estrela gigante vermelha Betelgeuse

betelgeuse_pelo_telescopio_hobbleAlpha Orionis (a Orionis) conhecida como Betelgeuse é uma estrela de brilho variável sendo a 10ª ou 12ª estrela mais brilhante no firmamento. É também a segunda estrela mais brilhante na constelação de Orion. Apesar de ter a designação a ("alpha") na Classificação de Bayer, ela não é mais brilhante que Rigel (ß Orionis). Betelgeuse é na verdade mais brilhante do que Rigel no comprimento de onda infravermelho, mas não nos comprimentos de onda visíveis. Betelgeuse é uma estrela gigante vermelha, e uma das maiores estrelas conhecidas, sendo de grande interesse para a astronomia.

Leia mais...

Exoplanetas desafiam teoria sobre órbitas planetárias

exo813 de abril de 2010 - Novas descobertas sobre exoplanetas podem desafiar teoria sobre as órbitas planetárias. A teoria planetária dominante, segundo a qual os planetas sempre orbitam em torno de seu Sol na mesma direção, imitando a rotação da própria estrela, foi questionada pela descoberta de novos exoplanetas, afirmaram astrônomos esta terça-feira. "Esta é uma verdadeira bomba que lançamos no campo dos exoplanetas", afirmou o astrônomo Amaury Triaud, do Observatório de Genebra, referindo-se aos planetas situados fora do Sistema Solar.

Leia mais...

Buraco da Guatemala intriga geólogos brasileiros

buraco03/06/2010 - Para especialistas, rochas calcárias foram dissolvidas pela água. Já professor acredita que estrutura construída pelo homem cedeu. Crateras semelhantes àquela que surgiu na Guatelama também são encontradas no Brasil. Especialistas ouvidos pelo G1 afirmam que fenômenos similares já ocorreram no Paraná, em São Paulo, em Mato Grosso e em Mato Grosso do Sul. O professor de geologia e diretor do Centro de Apoio Científico em Desastres da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Renato Lima, explicou que esse tipo de depressão recebe o nome técnico de dolina e ocorre em solos onde há rochas calcárias.

Leia mais...

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Precisando de um notebook novo?
LNVACE10

Curta nossa página

Mundo

Publicidade