Ozonioterapia

ozo6O gás ozônio é muito mais que a camada da estratosfera que nos protege. É um gás com infinitas aplicações, nos mais diversos campos de atividade humana. O ozônio é um dos gases mais importantes na estratosfera que cerca nosso planeta. Esta camada protetora de ozônio age como um filtro da energia ultravioleta (UV), altamente destrutiva, que vem do sol, ajudando a manter o equilíbrio biológico em nosso planeta.

O ozônio é a forma triatômica do oxigênio enquanto o oxigênio é normalmente encontrado em sua forma diatômica (O2). Forma-se quando as moléculas de oxigênio (O2) se rompem , e os átomos separados combinam-se individualmente com outras moléculas de oxigênio. Pode ser formado naturalmente, pela ação dos raios UV ou pelos geradores de ozônio, que convertem O2 em O3.

 

ozo1

O ozônio (O3) é um gás bastante reativo e altamente instável, ou seja, logo se recompõe a oxigênio (O2). É um dos oxidantes naturais mais potentes e é também um poderoso germicida. Estas características conferem ao ozônio uma gama de aplicações, sendo utilizado em medicina como também em processos industriais, tratamento de águas, alimentos, gases, efluentes e também como agente clareador/branqueador. O ozônio é um gás nocivo apenas para as vias respiratórias, devendo sua utilização ser feita sempre com cautela.

ozo2


OZONIOTERAPIA para envelhecer sem adoecer


“A Ozonioterapia tem sido testada com sucesso em 262 enfermidades.” (Saul Pressman, Ph.D.) “Ozônio é a maior descoberta da química moderna” (Enrico Fermi – Italiano, Prêmio Nobel de física de 1938, foi o maior expoente da física mundial, tendo trabalhado no desenvolvimento do maior gerador de energia de partículas atômicas do mundo) Pois bem, vivemos uma realidade em que nas terapias modernas, quem determina qual o medicamento a ser usado não é o paciente, mas sim o seu diagnóstico, ou seja, estamos praticando uma medicina baseada no paradigma do diagnóstico. E é muito fácil você compreender isto, tanto como médico, como paciente. Você chega no médico e enquanto ele não encontra sua doença, dificilmente ele conseguirá traçar um tratamento e lhe ajudar. Isto significa que a partir do diagnóstico da doença, qualquer um, seja médico ou farmacêutico ou mesmo um leigo no assunto, encontrará facilmente, simplesmente abrindo a internet, qual remédio deve tomar para que o diagnóstico seja tratado. Nós médicos estamos tratando as pessoas sintomaticamente, ao invés de nos preocuparmos em saber o porque as pessoas estão ficando doentes e buscar resolver seus problemas de base!

A história do Ozônio é antiga, existem relatos de seu uso já em 1915 por Albert Wolf (Alemanha) em dermatologia, passando pelo exército Alemão para tratar infecções durante a primeira guerra e atualmente apesar de estarmos compreendendo todos os seus benefícios, uma imensa minoria de médicos sequer sabem da existência. E como funciona, porque é visto como a melhor terapia do mundo? Após terem assistido à reportagem no youtube, vocês já devem ter prestado atenção e visto que é um potente antimicrobiano, sem ser uma droga. Devem estar também se perguntando o porque desta terapia não estar sendo acessível para vocês?

Pois é, existem outras diversas reportagens sobre o ozônio (em todas as redes de televisão do Brasil, Jornal Nacional da Rede Globo, Jornal da Record, entre outras), mas escolhi esta, pois existe uma passagem fundamental para você mesmo ter suas respostas. Chegou a prestar atenção na parte em que eles alertam sobre um possível motivo comercial e de único interesse das multinacionais para este fato? Se você não prestou atenção, vou colocar novamente abaixo:

ozo4

“Em 1933, com o avanço e desenvolvimento das grandes multinacionais de laboratórios farmacêuticos pelo mundo, a “American Medical Association” divulgou uma decisão: “Eliminated all medical treatments that were competitive to drug therapy” (Headed by Morris Fishbein-1933). Parece brincadeira, mas é isto mesmo que você está lendo: Eliminados todos os tratamentos médicos que forem competitivos à terapia medicamentosa”. Um lobby inacreditável da indústria e que realmente aboliu qualquer possibilidade do médico pensar na prevenção da saúde das pessoas, fazendo com que começássemos nós médicos, a sermos verdadeiros escravos das drogas. Pois bem, o Ozônio é antiviral, Antimicrobiano e antifúngico também. Tem um poder enorme em retardar o processo de envelhecimento. PRATICAMENTE TODAS AS BACTÉRIAS SÃO SENSÍVEIS AO OZÔNIO!

Isto tudo acontece, simplesmente porque o oxigênio é indispensável para a vida. Mais de 62% da crosta da terra (em massa) é composta por oxigênio. O oxigênio é também encontrado em 65% dos elementos do nosso corpo, incluindo tecidos, órgãos, sangue e pele. É tão importante, que podemos ficar sem alimento por meses, sobreviver sem água por dias, mas não sobrevivemos sem oxigênio por mais de alguns minutos! Na base de toda doença, existe primeiramente uma deficiência de oxigenação celular. Para ficar mais claro, quando você tem um câncer, ele só consegue crescer e se desenvolver em um meio sem oxigênio. Quando uma célula morre, ela primeiramente fica pobre e deficiente em captação de oxigênio. Uma infeção, a grande maioria que é anaeróbia, só sobrevive sem oxigênio, em células com pouca oxigenação.

O Dr. Otto Warburg, único médico na história, a ser ganhador do prêmio Nobel de Medicina por duas vezes, em 1931 e 1944, publicou em seu primeiro prêmio que A CAUSA DO CÂNCER É UMA DIMINUIÇÃO DA UTILIZAÇÃO DE OXIGÊNIO PELA MITOCÔNDRIA. Esta chamada hipóxia funcional, ou seja, baixa de oxigênio funcional, leva a uma diminuiçãoo da capacidade do sistema anti-oxidante e a um aumento da produção de radicais livres, produzindo uma mitocôndria com geração de doenças degenerativas (aquelas todas atreladas ao processo de envelhecimento tal como Alzheimer) e envelhecimento prematuro. Portanto, a melhor forma de prevenir, é buscando a otimização da utilização de oxigênio! E a Ozonioterapia têm o poder de aumentar a capacidade oxigenativa de literalmente TODAS as células do corpo humano, através de um processo que interfere em todas as fases de geração de energia no corpo. Ozônio (O3) é uma forma alotrópica de oxigênio. Se você é médico, estude novamente a bioquímica de toda formação de ATP do corpo humano, e verá que o NAD (Dinucleotídeo de Nicotinamida e Adenina) é fundamental e indispensável a todas as etapas. O Ozônio atua justamente aumentando o NAD.

ozo3

Além disso, a Triiodotironina (T3), também participa ativamente e é indispensável, ou seja, se você está tratando ou sendo tratado para seu hipotireoidismo com Puran T4, ou qualquer outro medicamento com unicamente T4, procure se atualizar, pois em pelo menos 50% das pessoas tratadas desta forma existe uma incapacidade no processo de transformaçãoo de T4 em T3, e você está sendo tratado e tratando seus pacientes de forma incompleta. Procure estudar um hormônio que provavelmente você nunca ouviu falar, a menos que esteja com a última edição do livro texto de endocrinologia: O T3 reverso (ainda assunto de um outro “post” meu no futuro).

Em 1929, 40 autores, chefes de medicina em hospitais importantes nos Estados Unidos, listaram 114 doenças que podem ser tratadas com ozônio. Se pesquisarmos na literatura médica, que está disponível a todo e qualquer médico mesmo por internet, são atualmente mais de 560.000 citações ao uso de Ozônio! Mas como vivemos em terra tupiniquim, onde a corrupção está incrustada em absolutamente todas as instituições políticas governamentais e não governamentais também, o médico não pode ser ensinado e nem pode divulgar a terapia com Ozônio. Estranho não é? Pois é por isso que você nunca ouviu falar e nem iria, uma vez que os médicos não têm conhecimento sobre praticamente nada que não dependa de medicamentos que façam você consumir. Eu não estou falando que não precisemos das drogas farmacêuticas, bem pelo contrário, por ser cirurgião também e acima de tudo médico, sei da necessidade completa das mesmas quando se trata de complicações mais graves e crises agudas de determinadas afecções. Porém, sei também que em grande parte das vezes, elas têm sido usadas desnecessariamente infelizmente, por simples desconhecimento médico.

Me dou conta de que a evolução é puramente tecnológica, ou seja, equipamentos ou medicações novas no mercado, pois a forma do médico entender a doença e RESOLVER o problema das pessoas evolui a passos de formigas! Pegue o exemplo do hipertenso: uma vez com pressão alta, ele vai ser obrigado a usar drogas pelo resto de sua vida!!! Não seria mais lógico descobrir o motivo e ajustar o mesmo no seu corpo, para que a pressão naturalmente se normalizasse e ele não seja obrigado a tomar anti-hipertensivos (e todos possuem efeitos colaterais obviamente, pois são substâncias estranhas ao corpo). E no caso do câncer, podemos contar nos dedos quantas pessoas realmente conseguem viver bem depois do diagnóstico de câncer. É praticamente uma sentença de morte e de má qualidade de vida pro resto da vida da pessoa não é? Quantas vezes vimos pessoas que estavam bem, e no momento que começaram as terapias para o tratamento do câncer pioraram e parece que aceleraram a abreviação de suas vidas?

“O médico deve ter a liberdade, no tratamento de um paciente, de usar uma nova providência diagnóstica ou terapêutica se em seu julgamento isso oferecer esperança de salvar vida, restabelecer saúde ou aliviar sofrimento.” (Declaração de Helsinki da OMS- Organização Mundial de Saúde – junho/1964 – Tokyo/2004)Bem amigos, não irei colocar muitas informações técnicas, até porque acho que os médicos leitores devem estudar o assunto e pesquisar, tal como faço. Ao meu ver, o objetivo é que vocês saibam desta terapia a qual já utilizo não só em mim, mas em minha família também, e isto é a maior prova de que um médico confia e acredita no que faz, fazendo primeiramente em si para depois aplicar nos outros.

- Ozônio não forma radicais livres no corpo humano, devido à sua polaridade e Ph celular do nosso corpo;
- Para quem pratica maratonas, pedaladas e corridas, saiba que Lance Armstrong, considerado o maior atleta que o mundo já teve, ganhador da considerada prova mais difícil do mundo “Tour de France” por 7 anos seguido, mesmo tendo um tumor de testículos, se utilizava da ozonioterapia;
- A realeza Inglesa é usuária de ozonioterapia. Na realidade, muito mais gente do que você imagina pelo mundo, aquelas pessoas que parecem estar cada vez mais bonitas e melhores, se utilizam desta terapia…
- Países onde esta terapia é largamente utilizada: Alemanha, França, Japão, Bulgária, Hungria, México, Canadá, Cuba, Itália, Israel, Polônia, Russia (onde é utilizada em todos os hospitais governamentais) , Egito. Agora vejam, no final deste pequeno vídeo com o Dr. Lair Ribeiro, o motivo pelo qual Ozônio não é falado ou conhecido pela imensa maioria dos médicos…
O futuro já chegou; só não é ainda uniformemente distribuído.

Fonte: http://www.aboz.org.br/
http://www.drvictorsorrentino.com.br/

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Curta nossa página

Publicidade