Qualidade de Vida

Síndrome de Marfan

marfan1A síndrome de Marfan, também conhecida como Aracnodactilia, é uma desordem do tecido conjuntivo caracterizada por membros anormalmente longos. A doença também afeta outras estruturas do corpo, incluindo o esqueleto, os pulmões, os olhos, o coração e os vasos sanguíneos, mas de maneira menos óbvia. Seu nome vem de Antoine Marfan, o pediatra francês que primeiro a descreveu, em 1896. Indivíduos com esta doença apresentam frequentemente anomalias a nível esquelético, ocular e cardiovascular, entre outras.

Leia mais...

Coca-Cola X Água

coca5( Comentário O Arquivo - Aqui podemos englobar todos os refrigerantes, coca , pepsi, etc, pois todos são, reconhecidamente, produtos "nefastos" a saúde humana, nao trazendo NADA de bom e saudável a vida das pessoas....apenas um BOM lucro aos seus fabricantes) Dr. Renato de Medeiros Silva - Ortopedia/ Medicina Natural - Nós todos sabemos que água é importante, porém nunca foi dito dessa forma antes: ÁGUA - 75% dos americanos são cronicamente desidratados (provavelmente isso se aplica à metade da população mundial). - Em 37% dos americanos, o sentimento de sede é tão fraco que é freqüentemente confundido com fome.-.....

Leia mais...

Estrogênio

estrogenio1Função- A produção desse hormônio começa na adolescência, quando é responsável pelo aparecimento dos sinais sexuais secundários na mulher, e vai até a menopausa. A falta de estrogênio causa as ondas de calor ou fogachos em aproximadamente 75 a 80 % das mulheres. O estrógeno induz as células de muitos locais do organismo, a proliferar, isto é, a aumentar em número. Por exemplo, a musculatura lisa do útero, aumenta tanto que o órgão, após a puberdade, chega a duplicar ou, mesmo, a triplicar de tamanho. O estrogênio também provoca o aumento da vagina e o desenvolvimento dos lábios que a circundam,....

Leia mais...

Antidepressivos, o que voce precisa saber! Parte 2

depressivos3Por que antidepressivos falham tanto? 2010 - Antidepressivos não são eficazes para ajudar cerca de metade das pessoas que os tomam, e um estudo com ratos pode explicar essa falha.A maioria dos antidepressivos (incluindo os populares Prozac e Zoloft) funcionam aumentando a quantidade de serotonina, um químico que transporta mensagens produzido dentro de células do cérebro chamadas de neurônios rafe. Pesquisadores do Centro Médico da Universidade de Columbia, em Nova York, afirmaram que ratos geneticamente modificados que tinham uma grande quantidade de um tipo de receptor de serotonina nessa região do cérebro eram menos propensos a responder ao tratamento com antidepressivos.

Leia mais...

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Curta nossa página

Mundo

Publicidade