O Diabo Espinhoso

espin2O diabo espinhoso (Moloch horridus) é a unica espécie do gênero Moloch. É um pequeno réptil existente na Austrália cuja dieta consiste somente em formigas. Apesar do seu nome, o diabo espinhoso não ultrapassa os 20 cm de comprimento. As fêmeas são maiores que os machos. A sua coloração, que eles próprios controlam, tal como o camaleão, varia entre o amarelo e o castanho-escuro, conforme o tipo de solo e serve-lhe de camuflagem.

Possui uma "falsa cabeça" atrás da verdadeira que utiliza para confundir os predadores. Possui espinhos cónicos por todo o corpo excepto na barriga onde são substituidos por protuberâncias.

O diabo espinhoso só tem formigas como único alimento, especialmente as do género Iridomyrmex. Só come uma formiga de cada vez, que captura com a sua língua pegajosa, mas pode comê-las a um ritmo de 45 por minuto. Podem comer entre 600 a 3000 só numa refeição e mais de 10 000 por dia. Para beber o diabo espinhoso condensa o humidade existente na noite fria nas escamas e canaliza-a até à boca através de sulcos hidroscópicos existentes por entre os espinhos. O mesmo acontece em dias de chuva ou se ele encontrar uma poça.

Embora tenha o corpo coberto de espinhos cónicos, a sua extrema lentidão torna-o uma presa fácil. Os seus predadores são a abetarda, que efectua descidas rápidas sobre ele que o atordoam até o matar, e o varano. No entanto o diabo espinhoso tem algumas técnicas de defesa como enfiar a cabeça entre as patas dianteiras e mostrar a falsa cabeça que os predadores tomam por verdadeira. Se os predadores o tentarem rolar para expor a sua barriga, a zona mais desprotegida do seu corpo, o diabo contra-ataca fazendo pressão com os espinhos e com a cauda. Para assustar os predadores pode também inchar para dar a impressão de ser maior.

espin5

Habita principalmente terrenos de vegetação rasteira e desertos na Austrália Ocidental e Central onde se encontra a spinifex. O acasalamento e a postura dos ovos ocorre entre Setembro e Janeiro. São postos de 3 a 10 ovos que eclodem 3 a 4 meses depois. O diabo espinhoso atinge a maturidade aos 3 anos e crê-se que vive 20 anos em estado selvagem. O diabo espinhoso é aparentado com o lagarto de chifres da América do Norte do género Phrynosoma, sendo este um exemplo da evolução convergente.


A pele do diabo-espinhoso

espin1


O DIABO-ESPINHOSO (Moloch horridus) é um lagarto da Austrália. Para matar a sede, ele extrai água da areia úmida, da neblina e da umidade do ar, e então a direciona até sua boca. Como ele faz isso? A resposta pode estar na sua impressionante pele. A pele do diabo-espinhoso é coberta de escamas. Alguns cientistas acham que a umidade ou o orvalho coletado nas escamas escorre até a superfície áspera da pele e entra numa rede de canais semiabertos, ou sulcos, localizados entre as escamas. Esses canais estão interligados e chegam até os lados da boca do diabo-espinhoso.

Mas como esse lagarto faz para puxar a água da superfície das pernas, passá-la pelo corpo e levá-la até a boca, desafiando a lei da gravidade? E, ao esfregar sua barriga em superfícies úmidas, como o diabo-espinhoso consegue extrair água?

Pelo visto, pesquisadores desvendaram o segredo desse lagarto. Os canais na superfície da pele estão ligados a outra rede de canais dentro da pele do diabo-espinhoso. A estrutura desses canais permite a capilaridade — um fenômeno em que a água é puxada para dentro de espaços estreitos, mesmo contra a força da gravidade. Assim, a pele do lagarto age como uma esponja.

Segundo Janine Benyus, presidente do Instituto Biomimicry, imitar tecnologias de extração de umidade pode ajudar engenheiros a projetar um sistema que retire umidade do ar para resfriar edifícios de forma mais eficiente e também para conseguir água potável.


Diabo Espinhoso e seu estranho primo distante, o Lagarto de Chifres


O Diabo Espinhoso (Moloch horridus) é a unica espécie do gênero Moloch. É um pequeno réptil existente na Austrália cuja dieta consiste somente em formigas. O Diabo Espinhoso não ultrapassa os 20 cm de comprimento. As fêmeas são maiores que os machos. A sua coloração, que eles próprios controlam, tal como o camaleão, varia entre o amarelo e o castanho-escuro, conforme o tipo de solo e serve-lhe de camuflagem. O Diabo Espinhoso só tem formigas como único alimento, Só come uma formiga de cada vez, que captura com a sua língua pegajosa, mas pode comê-las a um ritmo de 45 por minuto. Podem comer entre 600 a 3000 só numa refeição e mais de 10 000 por dia.

Para beber o Diabo Espinhoso condensa o umidade existente na noite fria nas escamas e canaliza-a até à boca através de sulcos existentes por entre os espinhos. O mesmo acontece em dias de chuva ou se ele encontrar uma poça. Habita principalmente terrenos de vegetação rasteira e desertos na Austrália Ocidental e Central. O acasalamento e a postura dos ovos ocorre entre Setembro e Janeiro. São postos de 3 a 10 ovos que eclodem 3 a 4 meses depois. Ele atinge a maturidade aos 3 anos e crê-se que vive 20 anos em estado selvagem.

espin3

Embora tenha o corpo coberto de espinhos cônicos, a sua extrema lentidão torna-o uma presa fácil, utilizando os espinhos como defesa, e também utilizam-se da técnica de inflar o corpo para parecerem maiores e amedrontar o predador ou para parecerem difíceis de engolir. O Diabo Espinhoso é aparentado com o Lagarto de Chifres (Phrynosoma coronatum) da América do Norte, que também tem uma técnica muito inusitada para se defender, ele esguicha sangue pelos olhos! Exatamente, não leu errado não.

espin4

Pelo menos quatro espécies de Lagarto de Chifres também são capazes de fazer jorrar um fluxo de sangue dos cantos dos olhos em uma distância de até cinco metros. Eles fazem isso, restringindo o fluxo de sangue deixando a cabeça, aumentando assim a pressão arterial e ruptura dos vasos capilares ao redor do pálpebras . Isto não só confunde os predadores, mas faz com que pensem que o animal já esteja morto, pois está imóvel e jorrando sangue, e assim desistam do ataque pois preferem animais vivos. Funciona com caninos e felinos, mas as aves não parecem se impressionar muito com a técnica.

Fonte: https://pt.wikipedia.org
           https://www.jw.org
           http://incrivelterra.blogspot.com.br/

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Curta nossa página

Mundo

Publicidade