Cientistas da Transilvânia criam sangue artificial

sanara231/10/2013 - Pode parecer irônica demais a descoberta do sangue artificial na mesma região que inspirou a lendária figura de Drácula, mas este fato realmente aconteceu: um grupo de pesquisadores na famosa região da Romênia informou que testes com a substância foram aplicados com sucesso em ratos. A composição – formada por água, sal e uma proteína extraída de vermes marítimos – parece ter cumprido com sucesso o trabalho de transportar o oxigênio pelo organismo.

A pesquisa foi conduzida pelo professor Radu Silaghi-Dumitrescu, que confirmou os sintomas estáveis dos roedores utilizados no experimento. Segundo o pesquisador, todos os testes anteriores não deram certo pela utilização da proteína errada, que deveria manter a substância imune aos fatores de stress do organismo. Os testes com ratos prosseguirão até que a equipe tenha certeza de que não há efeitos negativos. “Testes em humanos são um tópico muito delicado; nós precisamos de muitas certificações e elas representam um enorme risco”, comentou o professor responsável pela pesquisa.

sanara1

Até agora, os esforços para criar sangue artificial falharam porque o fluido era incapaz de suportar os esforços químicos e mecânicos colocados sobre ele. Segundo o Dr. Silaghi-Dumitrescu, ao contrário da hemoglobina, a hemeritrina permanece estável quando exposta a estresse físico e químico.

sanara3

O sangue contém água e sais, juntamente com uma proteína conhecida como hemerythrin que é extraído de vermes do mar, como este mar profundo Polyneae Annelid

Até agora, o sangue artificial foi testado em ratos de laboratório que não experimentaram quaisquer efeitos secundários adversos. Laura Sinpetru da Softpedia informa que os pesquisadores esperam lançar o sangue artificial em ensaios clínicos envolvendo voluntários humanos dentro de um ano ou dois.

sanara4

O trabalho baseia-se em pesquisa feita pela Universidade de Edimburgo e Bristol que, em 2011, produziu milhões de glóbulos vermelhos de células-tronco (na foto)

Este sangue de "doador universal" poderia ser dado a até 98 por cento da população. Um suprimento de sangue seguro também seria uma bênção nos países em desenvolvimento, onde milhares de vidas são perdidas para condições como hemorragias após o parto. Os franceses começaram os estágios iniciais em humanos com sangue de células-tronco e outros pesquisadores de todo o mundo estão fazendo a hemoglobina, a proteína dos glóbulos vermelhos usada para transportar oxigênio ao redor do corpo. Idéias sendo perseguidas em outros lugares incluem o uso de hemoglobina retirada de vacas como um substituto do sangue.

Cerca de 1,6 milhão de britânicos dão sangue a cada ano. No Reino Unido, as existências podem cair durante os períodos de férias, com suprimentos do tipo O-negativo altamente versátil particularmente vulneráveis.


Fonte: http://sploid.gizmodo.com
           http://www.dailymail.co.uk

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Precisando de um notebook novo?
LNVACE10

Curta nossa página

Mundo

Publicidade