Universo Holográfico

holo4Há muito tempo a Ciência tenta compreender o Universo e suas leis, às vezes frustrando-se devido à complexidade encontrada em seu caminho. Entre erros e acertos no percurso, cheio de percalços, a “iluminação” às vezes surge e as ideias se fazem presentes. Muitas delas correspondendo a verdade, porém sem os meios tecnológicos suficientes para prová-las corretas, então as deixando ainda na praia da especulação. Todavia devido a conhecimentos de civilizações antigas, milenares e espirituais, assim como de amigos especiais muito mais ...

desenvolvidos nas áreas do conhecimento universal (de quem falaremos em outra ocasião), podemos então saber, não apenas acreditar, mas saber que a Ciência, em certos campos, está no caminho certo, precisando de tempo para prová-lo na fisicalidade. Pois bem, há duas teorias ainda não provadas, e de certo modo, rejeitadas por um número enorme de cientistas materialistas e de rabo preso com o alto da pirâmide, que estão próximas da realidade em questão. São elas: a Teoria das Cordas e o Universo Holográfico, ambas correlacionadas com a já citada em outro artigo Teoria M (Multiversos). De fato, com os meios tecnológicos disponíveis neste momento, ainda é impossível de chegar a uma conclusão que satisfaça todo mundo, por isso as três teorias ainda são consideradas especulativas. Mas isso não é um problema para você, querido leitor, já que também está ciente de que a própria existência da matéria é especulativa (citar isso deixa os materialistas de cabelo em pé! Eles não aceitam isso de jeito algum).

Já comentei em outros artigos que esta realidade é uma ilusão, e agora é a hora de nos aprofundarmos um pouco nesta questão. No último post, o tempo ilusório também foi discutido. É importante conhecer estes assuntos para poder entender racional e intrinsecamente qual de fato é a realidade, uma vez que apenas ter fé que exista algo mais não basta para chegar lá definitivamente. É preciso saber. Quem tem fé ou acredita ainda tem dúvidas, quem sabe, sabe.


O Universo é Um Holograma


holo6O universo é uma ilusão, e os cientistas, mesmo aqueles que não admitem, o sabem muito bem. O universo é um grande holograma, perfeito e exuberante, por isso devemos admirar aquele (ou aqueles) que o fez. O universo é uma ilusão. Maya. Matrix. Todas as civilizações antigas, escolas de pensamentos, sociedades secretas, algumas religiões, o alto da pirâmide do poder atual, enfim, todos tem esse conhecimento. Conhecimento é poder, e poder, eles não dividem. Nós, chamados de sociedade civilizada, racional e avançada, na verdade estamos atrasados em muito no que realmente importa: a lembrança da realidade. Um indígena que conversa com as árvores, que vive sempre em harmonia com seu ambiente, que cuida de sua tribo, que divide seus conhecimentos com seus herdeiros e que faz uma preparação espiritual nos momentos finais de vida, é chamado de selvagem ignorante. Alguém que trabalha feito um condenado até os 60 anos de idade para ganhar um salário que no final vai voltar em dobro para os bolsos de quem o pagou; que tem uma vida vazia, cujo único interesse é o futebol e o churrasco de domingo; que chega na hora da morte, pensando em como as coisas poderiam ter sido melhores; ou que passa a vida dependente de remédios por efeito do estresse - mas que está aposentado, tem uma casa que levou 20 anos para pagar em prestações “que cabem no bolso” e agora, embora as dores sejam constantes, pode descansar -, a esse sujeito nós chamamos de bem-sucedido. Sou só eu, ou tem algo de errado nesta imagem?

Por achar que o mundo material é a única realidade deste universo, nós, como civilização moderna, nos pusemos num lugar perigoso da ignorância racional. E por esse erro, acabamos por ficar presos numa armadilha: O Sistema. Estamos tão habituados ao sistema, que a simples menção de mudança para algo não incluso nele, parece nonsense, loucura, idiotice, estranheza e coisa de gente ignorante. Podemos usar a analogia de um zoológico onde quase todos os animais nasceram em cativeiro. Os que nasceram na natureza diriam que lá é tudo melhor, tem-se liberdade, um contato com suas verdadeiras raízes, que apesar de algumas dificuldades, é onde todos os animais prefeririam estar. Obviamente, aqueles que nasceram em cativeiro nem saberiam o que é a natureza, e jamais abandonariam sua zona de conforto, uma vez que nunca conhecendo a liberdade, não saberiam o que ela é, e prefeririam ficar trancados, mas recebendo os alimentos, não se importando com os tédios e depressões do zoológico.

Veja que a analogia se encaixa à civilização moderna, ainda mais a ocidental, que prefere ter a ser. O objetivo das pessoas é alcançar o sucesso profissional, adquirindo posses e acumulando riquezas, pois para elas depois que morremos, a história acaba. O universo material é tudo o que existe. Mas aqueles que sabem que tudo isso é uma ilusão passageira, o que mais importa é buscarem a si mesmos, tentando lembrar suas verdadeiras naturezas, para então SEREM QUEM REALMENTE SÃO. Essas são as pessoas que dificilmente vão ficar presas à armadilha da fisicalidade, tendo de voltar para este mundo vida após vida, indefinidamente, sem nunca encontrar paz interior por meio da evolução espiritual.

Saber que o universo é uma ilusão é um grande passo, mas saber que ele é holográfico é um passo gigante rumo ao nosso verdadeiro poder. Pois como foi dito, acreditar numa outra realidade não basta para tornar-se aquilo que se é de verdade, pois a crença nunca é absoluta, por isso é crença. Saber é diferente. Saber é estar no campo do absoluto. É isso que todos aqueles que estão em busca da sabedoria tem em mente: alcançar o saber para então SEREM. O ego faz um papel muito complicado e atrapalha muito o processo, mas aos poucos se pode chegar a um estado em que o Crer seja o bastante para determinada ação. Portanto, saber que o universo é um grande holograma é saber que tudo isso é uma ilusão; é saber que você é algo mais; é saber que o caminho para a verdade não está no exterior.


Mas O Que é Um Holograma?

 
holo7Um holograma, a grosso modo, é uma imagem em três dimensões. A holografia ao longo dos anos vem sendo bastante usada de diversas maneiras, especialmente no armazenamento de dados e nas artes visuais. A palavra holografia veio do grego, e quando buscamos seu significado, já nos é dito exatamente do que se trata: holos significa “inteiro”, “todo” , ao passo que graphos significa “escrita”, “sinal”, ou seja, é um registro integral. Como integral, devemos imaginar em toda a sua totalidade, informação, forma, relevo e profundidade. Você deve estar se perguntando como nossa realidade pode ser holográfica, se tudo parece tão real, tão “vivo”. Pois bem, um holograma a princípio é uma imagem em 3 dimensões, com possibilidades sonoras. Não podemos descartar possibilidades olfativas também. À medida que a tecnologia for avançando, os hologramas vão se tornar mais e mais reais. Porém, como você pode notar, atualmente, com a tecnologia disponível, ele só pode ser visto, ouvido e, teoricamente, ou por ventura, cheirado. Todos nós percebemos o mundo físico com 5 sentidos: Visão, Olfato, Paladar, Audição e Tato. Pois bem, qual desses 5 um holograma atual pode reproduzir? Apenas 3, sobrando então o Tato e o Paladar. Este último sem o sentir, o tocar, apenas pode produzir uma sensação, mas não uma impressão sensorial. Portanto, o segredo aqui é o Tato.

Os 5 sentidos materiais são os únicos para decodificar o mundo físico, mas não são os únicos sentidos que temos. Atualmente, avalia-se que o ser humano tenha de 22 a 30 sentidos, a maioria extra-sensoriais. Concentrando-se naqueles cinco, podemos então dizer que a diferença entre um holograma criado pelo homem e um universo holográfico é que neste podemos tocar os objetos, naquele ainda não. Mas, ó, que surpresa tenho para você! Nós também não conseguimos tocar os objetos no universo holográfico! A Física Quântica nos mostra que os elétrons se repelem. Portanto, quando você toca alguma coisa, na verdade há um espaço "infinitesimal", uma carga separando-os, então você nunca toca nada. E para fundir mais a sua cuca, de fato nosso corpo também não está tudo no mesmo lugar! Somos pedacinhos dando uma festinha para nossos semelhantes.

Voltando ao que importa, nós só temos a impressão que isto aqui é real, pois só temos “acordados” nossos 5 sentidos básicos e nos localizamos na realidade baseando-se neles. É por isso que a fisicalidade parece tão real, tão palpável e tão difícil de largá-la. De fato, 100% dos seres humanos tem algum sentido extra-sensorial um pouco mais aparente, sendo a intuição, por exemplo, o mais frequente. Todavia, quando um desses sentidos se faz notar, é costume não lhe dar atenção e imaginar certo evento ou sensação como sendo algo externo, parte do mundo, e não de si próprio. O vício da matéria atrofia todos os nossos sentidos, deixando, obviamente, aqueles necessários para a própria matéria intactos (salvo deficiências de nascimento ou acidentais, que, de fato tem um sentido mais amplo a ser examinado em outra ocasião): Visão, Audição, Olfato, Paladar e Tato.

Os sentidos apenas interpretam, decodificam as informações a que tem acesso. Portanto, quando um hipnotizador, por exemplo, em um show com platéia, chama dois voluntários, induzindo um deles a não conseguir enxergar o outro, de fato o indivíduo não consegue enxergar a outra pessoa. Não importa se ela esteja à sua frente, falando e gesticulando para ele. Testes são feitos, como por exemplo, fazer a pessoa “invisível” segurar objetos e escondê-los atrás do corpo. O hipnotizar pede para o hipnotizado descrever os objetos, e ele o faz com 100% de eficácia e de forma detalhada. Como isso é possível? Ora, pois o hipnotizador induziu no subconsciente do sujeito a não decodificação da outra pessoa. Ou seja, para o hipnotizado, a informação daquela pessoa não pode ser percebida. Mas se, como todos dizem, a matéria é real, como ele não consegue ver a outra pessoa? Como, se todos estão lá vendo-a? Porque, como estou dizendo, a matéria não é real! O que vemos e percebemos são apenas informações que conseguimos decodificar. O hipnotizado não via a outra pessoa, pois não conseguia decodificá-la.

Todos temos sentidos extra-sensoriais, mas poucos os têm desenvolvidos. Eles conseguem decodificar informações que a maioria não consegue. São clarividentes, canalizadores, telepatas, curandeiros espirituais, etc. Não, estas pessoas não são loucas ou esquisitas. Obviamente, como em tudo no mundo, há muitos charlatães, mas tendo conhecimento sobre o assunto, fica fácil distingui-los dos verdadeiros.


Então o Holograma é Apenas Uma Imagem?


holo1Na verdade, um holograma nosso é um conjunto de informações armazenadas. Os especialistas dizem que não é apenas uma imagem em 3D. Que, de fato, o melhor meio de descrevê-lo é como uma gravação sonora, na qual o campo sonoro é codificado de uma certa maneira a ser reproduzido mais adiante. Mas esta é apenas uma analogia, da qual não falarei, para não cair em erro a respeito da parte técnica da coisa, sobre a qual meu conhecimento não é o suficiente para fazê-lo. Mas se você fez referência à Teoria das Cordas, estamos juntos nessa. De todo o modo o holograma não é uma imagem, mas um sistema codificado que permite que o campo de luz dispersada seja reproduzido, portanto as imagens podem ser formadas de qualquer ponto de vista. Isso também devido a um aspecto importante: o todo está em tudo! Pois é, querido leitor, eis uma parte realmente interessante e que já vai abrir caminho para outros assuntos futuros. Cada parte do holograma possui informação sobre o todo. Deste modo, mesmo o mais ridículo pedaço, contém informação do holograma completo! Você pode ver a informação completa, mesmo de uma parte perdida, todavia de um ângulo restrito. Ou seja, o que está em cima está em baixo, o que está longe está perto, o que está no grande, também está no pequeno, o feio está no belo e o belo está no feio. Isso é de extrema importância para finalmente compreendermos que, apesar de muita gente com intenções questionáveis dizer o contrário, de fato somos todos um.

Todavia, é importante notar que este universo não pode simplesmente ser comparado a um holograma. Pois trata-se também de outra alegoria para poder expressar o universo. Ele age feito um holograma, mas sua complexidade e beleza é de um nível de difícil compreensão. Mas podemos dizer que o universo é uma espécie de obra-prima. Mas quem criou está obra-prima? Não trataremos neste post sobre este assunto específico, pois é de uma certa complexidade, pois ainda há muita controvérsia e informações desencontradas ou ainda não cruzadas da maneira apropriada, e isto requer um pouco mais de bagagem do querido leitor.

Somos Todos Um


A civilização moderna sofre do mal da separação, cada um para o seu lado, deixando premissas inúteis ficarem entre a verdadeira forma de viver aqui neste mundo. Quando se vê a figura total, e que também está na mais ínfima, percebemos que conflitos religiosos, étnicos, filosóficos e políticos são completamente irracionais. Pois esta realidade, por ser holográfica, está conectada. Qualquer informação ou ação em menor escala irá inevitavelmente ser inserida no todo. Ou seja, é o Efeito Borboleta.

As ações que tomamos não devem mais ser levadas como inofensivas, que não afetam a nada nem a ninguém. A menor ação, a menor decisão afeta o andamento do todo. A coisa mais boba, que você julga sem importância, vai repercutir em tudo. O conhecimento disso e, especialmente o controle sobre todas as ações, é o que faz de você um Desperto. Vejo muitas pessoas usando a palavra despertar de forma arbitrária e pretensiosa. Estar acordado é mais do que saber sobre conspirações, sobre a realidade espiritual, sobre o que vai acontecer daqui para frente, sobre a nossa origem. Estar acordado é SER SEU EU SUPERIOR. E os despertos tem total controle de suas ações, pois sabem que cada uma delas, até a mais ingênua vai causar um efeito no todo.

Os despertos sabem de fato o que é o livre arbítrio, a lei da causa e efeito e o poder de criação que têm. Eles não especulam, eles sabem. Eles não acham, eles sabem. Eles não entendem, eles sabem. Eu, que escrevo estas linhas, não estou acordado, mas estou no caminho, estou despertando. Eu ainda não controlo todas as minhas ações, emoções e afeições. O caminho é longo, mas talvez não seja necessário que todos estejam totalmente despertos para os fatos a seguir; que talvez baste um certo nível mínimo de despertamento. Mas essa, eu confesso, essa sim é uma especulação.

Mas isso ainda não é bastante para podermos simplesmente nos darmos as mãos e formar um mundo unido e feliz. As coisas não funcionam assim e já foi mostrado que a bajulação também não funcionou. O governo oculto já iniciou há algum tempo a campanha Somos Todos Um. Porém, apesar de estarem certos, suas intenções são de corrompê-la por completo. A Nova Ordem Mundial não é um mundo unido sob um governo em pró da humanidade. É o poder centralizado. Mas eles vendem a ideia de que todos precisamos nos unir para salvar o planeta. O mais triste é que eles estão certos quanto a nos unirmos. Infelizmente, essa é a ideia que eles vendem, mas que não pretendem cumprir.

Pela falta de entendimento, muitas pessoas já começaram a duvidar de que somos todos um, que existe livre arbítrio e que devemos evitar o apego. Mas é necessário entender que certo fato não descarta o outro. Um governo mundial é necessário, mas não este que vem. Enquanto houver políticos e o sistema monetário, nada, eu disse nada, do que tentarmos para unir o mundo dará certo. E é por isso que ao longo dos anos, depois de muita observação, nossos mentores, aqueles acordados e os que tem uma visão mais abrangente do mundo, dizem que nosso foco tem de ser mudado.
 
Você não vai mudar o mundo fazendo passeatas e protestos. Você não vai mudar o mundo ajudando instituições de caridade. Você não vai mudar o mundo sendo contra a guerra. Você não vai mudar o mundo se preocupando com os outros. Você não vai mudar o mundo se importando com os problemas dele. O único meio de você mudar o mundo é mudando a si mesmo. SER QUEM DE FATO VOCÊ É.

Esse é o único meio que a humanidade dispõe que pode de fato fazer a diferença. Tudo o que já foi tentado não deu certo. Combater a guerra, é dar mais força a ela. Ajudar instituições de caridade é fazer com que mais precisem de ajuda. Fazer protestos é fazer com que mais protestos sejam necessários. Pois o universo além de ser holográfico, reflete tudo o que lhe é enviado. A Lei da Causa e Efeito, que não é compreendida, e considerada por algumas pessoas, que se dizem “acordadas”, como sendo uma mentira e parte da manipulação (o que é verdade, mas também mentira. Isso é dicotomia e falaremos quando o assunto for abordado na íntegra), é perfeita, e lhe traz tudo o que você envia de volta.
 
ei que tudo isso pode parecer coisa de uma pessoa desumana para aqueles que estão chegando agora, mas à medida que você for avançando, entenderá que é assim que sempre precisou ser feito, mas que nunca o foi, justamente pela falta de entendimento sobre o assunto. Por quê? Por que mudar a mim mesmo pode mudar o mundo? Este é o foco deste post. O Universo é Holográfico. O Todo está em Tudo e Tudo está no Todo. A menor partícula contém o todo. Toda informação inserida na mais ínfima partícula, muda a informação do todo. Portanto:

MUDE A SI MESMO PARA MUDAR O MUNDO!

sso é a Ascensão. É SER. É SABER como são as coisas. É saber que é necessário Amor, Desapego e Controle Emocional. É saber que você é o ser mais importante, pois você é tudo e tudo é você. Mudando a si é mudar o todo. Se mais e mais pessoas mudarem a si próprias, chegará um momento em que não haverá mais necessidade de fazer protestos e passeatas, não haverá mais necessidade de haver instituições de caridade, não haverá conflitos que levem a guerra, não haverá a necessidade de se preocupar com os outros, pois eles já estarão bem. No ponto em que estamos, este é o único meio, pois não há mais tempo! A HORA É ESSA!

Após a série de eventos que vão acontecer nos próximos anos, será necessário que cada um esteja num nível mais elevado de consciência e amor para, aí sim, ajudar os que por ventura necessitem de auxílio e ajuda para aprenderem como viver num novo mundo. Caridade e boa vontade devem vir de uma fonte limpa, do contrário ela não surte efeito e cria um ciclo de necessidades. Por isso, meu querido leitor. Quer ajudar as pessoas e o mundo? Primeiro ajude a si mesmo!

Abaixo, uma série de vídeos a respeito do Universo Holográfico. Embora o documentário expresse bem o assunto, no final dá uma desandada ao tentar mesclá-lo à religião, neste caso o islamismo. Mas você, querido leitor, é inteligente e vai absorver as verdades sem se deixar levar por dogmas possivelmente apresentados.

Fique na Paz.
HigherThanEagle
 
 
Fonte: http://particulasdafonte.blogspot.com/

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Precisando de um notebook novo?
LNVACE10

Curta nossa página

Mundo

Publicidade