Leap Castle na Irlanda

catle topoLeap Castle, na Irlanda, um dos castelos mais assombrados do mundo. Construído no século 13 pela família O'Bannon, as ruínas do Castelo Leap, é assombrada por algo terrível, horrorizando além da descrição. Ele espera nas sombras mais escuras para as forças não naturais ou sangue derramado para despertá-la, ou para um ser humano insensato para despertar sua ira. No passado, o espírito era conhecido como "A Coisa". Alguns sabem o fantasma como "It." Hoje, ele é conhecido como o Elemental.


A Capela é o lar de muitos dos espíritos. Pessoas que passam pelo castelo a noite relataram luz brilhante fluindo para fora das janelas superiores. Esta ocorrência tem sido relatada desde o tempo dos Darbys quando o castelo foi deixado uma casca queimada após a queima de 1922, este evento também foi relatada por transeuntes. Mesmo agora, os vizinhos informam da iluminação. Odores estranhos de borracha também foram relatados durante os povos que visitam ao salão superior.

Um dos mais conhecidos é referido como o padre O'Carroll. Após a morte de Mulrooney O'Carroll em 1532, uma luta de poder feroz desenvolvido no seio da família O'Carroll, irmão lutou contra irmão para ganhar chefia. Diz a lenda que um O'Carroll assassinou seu irmão, um padre, enquanto realizava uma missa no salão superior do Castelo. Acredita-se que o sacerdote começou a massa antes da chegada de seu irmão e este foi considerado um grande insulto.

catle5

O padre foi visto em muitas ocasiões na Capela sangrento. seu espírito também tem sido visto espreitando na escada abaixo e também deixa a capela através da porta ocidental ao bartizan e descer as escadas do norte. A masmorra uma pequena câmara localizada no canto norte-oriental da capela sangrento era usada como calabouço onde os prisioneiros eram jogados mortos ou morrendo. A entrada da câmara é um furo estreito originalmente equipado com uma forma de alçapão.


O castelo Leap e o Elemental

catle4


O que é pior do que ser assombrado por fantasmas? Isso mesmo, criaturas demoníacas! Em uma parte da Irlanda, lar dos duendes guardiões dos potes de ouro e da cerveja, existe um castelo chamado Leap. A história do castelo é simplesmente terrível e é considerado o castelo mais assombrado do mundo! Dentro das imediações do castelo há uma capela conhecida como Capela Sangrenta, nome dado graças a um episódio de loucura que ocorreu em um dos donos que resolveu matar seu irmão padre com uma espada no peito no meio de um missa. Ainda nesta capela existe um alçapão, onde pessoas eram jogadas e esquecidas ali. Se não morressem na queda, morreriam de fome e sede, no meio de vários presuntos defuntos apodrecidos. Foram necessárias 3 carroças para limpar as ossadas do tal buraco num mutirão que fizeram em 1920.

Achou isso bizarro? Foi só o começo! Cada dono teve um fim bizarro: gangrena, fratura dos ossos do quadril, acidentes sem explicações. Foram encontrados espetos que serviam para o empalamento de vítimas. Um dos donos, duvidando do boato de que algumas pessoas haviam sido emparedadas na parede de sua sala, resolveu quebrar a estrutura e, para a sua surpresa, encontrou 3 esqueletos. Ainda não está satisfeito? Então aí vai a cereja do bolo:

catle6

Não são raros os relatos de avistamentos de fantasmas, mas uma criatura em particular chama bastante a atenção de todos os que visitam ou conhecem a história do lugar: o ELEMENTAL. Descrito sempre da mesma forma, suas aparições causam arrepios até em quem nunca o viu. O Elemental é descrito geralmente como sendo uma criatura humanóide, do tamanho de uma ovelha, de cor negra, pelos acinzentados por todo o corpo e olhos vermelhos, com saliva escorrendo pela boca, mas também alguns dizem que ao invés dos olhos vermelhos existem 2 órbitas negras e profundas, como se os olhos estivessem em decomposição. Outra característica marcante é o seu cheiro: enxofre e carne podre. O Elemental não é visto como uma criatura pacífica ou que esteja lá apenas para assustar um visitante desavisado, mas sim como um demônio extremamente agressivo e que não perde a chance de atacar quem quer que cruze o seu caminho. Alguns relataram que foram atacados por ele e sofreram sérios danos.

Há diversas teorias e histórias acerca de seu surgimento e dos motivos pelo qual essa criatura ainda ronda o castelo, vejamos algumas:

Feitiçaria druida - dizem as más línguas que os druidas celtas trouxeram o Elemental para proteger o lugar, os rituais e eles próprios antes do castelo ser construído naquele local. O Elemental poderia se alimentar de sangue humano dos sacrifícios dos rituais, mas com o término das práticas, provavelmente ele estaria rondando o castelo, preso ali dentro, à procura de novo sangue, como um vampiro que anseia por mais sangue para se fortalecer e renovar suas energias.

Cavalo de Tróia irlandês - há quem diga que inimigos enviaram o Elemental para destruir o castelo de dentro para fora. Gerald Fitzgerald, Conde de Killdare, era um famoso praticante de magia negra, necromancia e invocação de demônios. Por diversas vezes ele tentou tomar o castelo, mas falhou em todas e por isso é apontado como principal suspeito de ter criado e colocado o Elemental no castelo Leap.

A fúria dos esquecidos - milhares de pessoas morreram nas masmorras do castelo Leap. Só em 1920 estas masmorras foram reabertas e ossadas de cerca de 150 corpos foram encontradas. Os mais supersticiosos acreditam que os espíritos daqueles que foram jogados e esquecidos nas masmorras mais a energia negativa do local tenham se unido e formado um novo espírito poderoso e maligno como o Elemental. Este estaria apto para condenar e assassinar os descendentes daqueles que foram os seus carrascos.

catle1

A força do pensamento - tal teoria diz que o Elemental foi criado a partir de pensamentos e emoções fortes coletivas, como o sofrimento e a agonia das vítimas da masmorra que se juntaram e criaram um espectro único e maligno, um ser vingativo. Embora esta teoria seja parecida com a dos esquecidos, a diferença nesta é que o espectro é criado do nada, enquanto que nos esquecidos ele é criado pelos espíritos das vítimas mortas.

catle2

Caindo aos pedaços - alguns afirmam que o Elemental nada mais é que o espírito de um homem chamado O'Carroll, que morreu de lepra dentro do castelo. O motivo pelo qual ele é associado ao Elemental é que o cheiro de carne podre e características de decomposição pelo corpo descritas por quem viu a criatura também são características da lepra.

Ao que tudo indica, o Elemental começou a aparecer mais vezes a partir do século IX, depois que Mildred Darby, uma praticante de ocultismo (coisa que aliás era moda no começo do século IX), fez uma inocente brincadeira e despertou-o. Depois disso, o castelo nunca mais foi o mesmo. Infelizmente, em algum momento do século passado o castelo sofreu grandes danos com ataques por bombas por causa da revolta irlandesa pela independência. Depois de passar por vários donos, em 1990 finalmente os novos donos (que são donos até hoje) começaram a restaurá-lo. Em 1991, finalmente a capela Sangrenta teve alegria em tantos séculos de história brutal e macabra: foi comemorado o batizado da filha dos atuais donos. Eles dizem que estão cientes de toda a história do castelo, mas que convivem bem com os fantasmas e que consideram o Elemental só mais uma parte da sombria história do lugar, mas que ele não os incomoda em nenhum aspecto e que a família tem dias felizes dentro do castelo mais assombrado da Irlanda.

O fato é que quem tem o azar de encontrar com o Elemental logo adoece e é obrigado a sair do castelo rapidamente. Portanto, se você pretende fazer uma caça ao Elemental, esteja preparado. Ele não é do tipo de monstro bonzinho de filme de Hollywood. Estamos falando de um ser realmente maligno e agressivo. É melhor pensar duas vezes antes de mexer com ele.

catle3


Fonte: http://historiasfantasmas.blogspot.com.br/
           http://umadblog.blogspot.com.br/

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Curta nossa página

Publicidade